5 aplicações da Inteligência Artificial na Indústria

O processamento de informações realizado por essa tecnologia beneficia a indústria com tomadas de decisões baseadas em dados reais, agilidade e assertividade de ações, além de otimizar processos e impactar positivamente toda a operação.

A Indústria 4.0, conceito que trouxe transformações significativas para a manufatura, tem como um de seus principais pilares a utilização de diferentes tecnologias para melhorar processos e elevar a produtividade industrial.

Recursos importantes como a Inteligência Artificial, Internet das Coisas, robótica e computação em nuvem chegaram ao ambiente industrial para estabelecer conexão entre as máquinas, automatizar processos e tomadas de decisão.

Hoje, vamos te contar como a Inteligência Artificial pode transformar o dia a dia do chão de fábrica e da gestão industrial através de cinco importantes aplicações. Continue a leitura!

As aplicações da Inteligência Artificial na Indústria

O conceito de Inteligência Artificial está relacionado à sua capacidade de fazer com que sistemas ou máquinas executem tarefas de forma similar à humana através da análise de dados.

O processamento de informações realizado por essa tecnologia beneficia a indústria com tomadas de decisões baseadas em dados reais, agilidade e assertividade de ações, além de otimizar processos e impactar positivamente toda a operação.

Confira agora algumas aplicações da Inteligência Artificial na indústria que transformam seus processos:

1. Sistema de Sequenciamento de Produção

O Sistema de Sequenciamento de Produção (ou APS – Advanced Planning and Scheduling, em inglês), pode utilizar Inteligência Artificial para garantir que toda a operação funcionará de acordo com a capacidade de estoque, disponibilidade para iniciar a produção e prazos de entrega da empresa.

Nesse processo, a Inteligência Artificial analisa o histórico de dados para prever demandas, permitindo que a indústria tome decisões proativas para adaptar-se às necessidades do mercado e, assim, evite desperdícios e reduza custos desnecessários.

E já que estamos falando de performance industrial, saiba que o OEE 4.0, uma das soluções com Inteligência Artificial da BirminD, tem como uma de suas funcionalidades a sugestão dos melhores parâmetros de produção para maximizar a produtividade e minimizar os custos operacionais.

2. Controle de qualidade

Com a Inteligência Artificial, as indústrias podem aproveitar a análise de um grande volume de dados em tempo real para identificar rapidamente defeitos na linha de produção e quais são suas principais causas.

Assim, a gestão do processo produtivo pode resolver as falhas com muito mais agilidade e evitar que a anomalia detectada pela Inteligência Artificial seja replicada em um grande número de produtos.

Além disso, essa tecnologia retira tarefas repetitivas das mãos dos colaboradores e permite que eles se concentrem em funções mais importantes. Longe da sobrecarga e com o foco na execução de determinada demanda, a sua chance de cometer um erro é bem menor, o que também eleva a qualidade da operação.

A BirminD desenvolve soluções, com o apoio da Inteligência Artificial, que viabilizam todas essas vantagens e se transformam em Otimização Industrial. Saiba como!

3. Otimização de processos

Todo o processo industrial gera um enorme volume de dados que, se forem devidamente interpretados, podem resultar em insights valiosos capazes de melhorar a operação.

Imagine que, com o auxílio da Inteligência Artificial, todos esses dados são coletados e analisados e, sobre eles, ainda é possível aplicar algoritmos de Machine Learning para a construção de um modelo analítico muito mais robusto, capaz de direcionar a otimização de processos e indicar, por exemplo, como a indústria pode manter a produção utilizando a menor quantidade de recursos possíveis.

A tecnologia, portanto, quando chega ao chão de fábrica através de soluções digitais, como as que são desenvolvidas pela BirminD, é responsável por reduzir custos, prazos e erros no processamento de dados, que resulta na previsão de cenários futuros e melhores tomadas de decisão.

4. Análise e manutenção preditivas

A análise preditiva é uma técnica analítica avançada que utiliza mecanismos de Inteligência Artificial para processar dados e, a partir da identificação de padrões e tendências, prever acontecimentos.

Quando a análise preditiva indica a possível parada de uma máquina, por exemplo, a manutenção preditiva entra em ação para encontrar a causa raiz dessa falha e agir de maneira proativa diante do problema, impedindo que ele impacte negativamente a produção e reduzindo gastos adicionais com consertos futuros.

Além disso, a implementação da Inteligência Artificial em todo esse processo evita que desmontagens desnecessárias sejam feitas em máquinas e equipamentos para encontrar falhas ou realizar ajustes, diminuindo possíveis danos e estendendo sua vida útil.

A Manutenção 4.0, solução da BirminD desenvolvida com o suporte da Inteligência Artificial, impulsiona os primeiros passos de indústrias de todos os segmentos rumo à Manutenção Preditiva.

5. Gerenciamento da cadeia de suprimentos

O gerenciamento da cadeia de suprimentos, que engloba todo o processo de logística de produtos e materiais, pode ser realizado por um software que utiliza Inteligência Artificial, como o OEE 4.0, da BirminD. As indústrias podem combinar informações extraídas de sua própria operação, como número de pedidos, compras e estoque, para extrair previsões certeiras de demandas.

Afinal, estimativas realizadas sem embasamento em dados reais, ainda mais quando o assunto é demanda do consumidor, podem trazer grandes prejuízos para as fábricas que acabam ficando com um estoque excedente de produtos.

Prever essa demanda de forma precisa garante a eficiência da produção, que opera de acordo com uma necessidade real, e colabora para que a indústria não tenha um estoque estagnado ou desperdice recursos e mão de obra.

A Inteligência Artificial está no presente e permanecerá no futuro das indústrias

De acordo com estimativas realizadas pela consultoria de tecnologia IDC, as empresas brasileiras devem investir cerca de R$ 2,61 bilhões em Inteligência Artificial até o fim de 2022.

Dados como esse, que evidenciam a adesão da tecnologia pelo mercado, provam que seus resultados são significativos e farão com que a Inteligência Artificial se consolide como parte importante dos negócios.

Na BirminD, levamos a Otimização Industrial com o apoio de tecnologias de ponta, como a Inteligência Artificial, para melhorar a produção do seu chão de fábrica. Acesse o nosso site e conheça soluções que podem transformar sua operação.

Você pode gostar...